8

Pãozinho com Queijo Coalho

Estava com excesso de queijo coalho quando vi essa receita. Como uns amigos iam dar uma passadinha rápida por aqui, resolvi fazê-los. É uma receita simples de fazer, o tempo de espera é curto e o resultado é ótimo. Numa próxima vez eu sovaria bem antes do primeiro crescimento, mas não tive tempo, daí os pães não terem ficado tão bonitos. Mas o sabor ficou muito bom, irei testar com outros recheios. A receita original é com cebola e deve ficar incrível.

Ingredientes:
2 e 3/4 de xícara de farinha de trigo (mais um pouco para dar ponto)
1 colher (sopa) de fermento biológico seco
2 colheres (sopa) de açúcar
1 xícara de leite morno
1 ovo
2 colheres (sopa) de manteiga
1 colher (chá) de sal
Queijo coalho cortado em cubos para rechear
1 ovo batido com 2 colheres (sopa) de água para pincelar
Parmesão ou orégano para polvilhar

Numa tigela grande, misture o açúcar, o fermento, o leite morno e a farinha de trigo (toda ou uma parte, eu coloquei uma parte) e deixe a massa descansar por 5-10 minutos. Junte então o ovo, a manteiga e o sal e vá juntando mais farinha de trigo até começar a soltar das mãos. Sove bem sobre uma bancada (você pode dividir a massa em partes, para facilitar a sova). Volte a massa para a tigela, cubra com um pano úmido e deixe em um local onde não haja corrente de ar por 20 minutos. Divida a massa em bolinhas (a quantidade de pãezinhos que você quiser, eu fiz umas 20 bolinhas). Sove um pouco cada bolinha, abra um pouco sobre a mão, fazendo um disco e recheando com um cubo de queijo. Modele fechando o disco e cobrindo o queijo, para que forme novamente uma bolinha. Distribua as bolinhas recheadas numa assadeira grande untada e cubra mais uma vez com o pano por 20 minutos. Nessa hora você liga o forno em 200° para aquecer e já coloca um recipiente com um pouco de água na parte de baixo do forno. Pincele os pães com o ovo batido com água e polvilhe parmesão ou orégano. Leve para assar até que fique bem dourado (entre 20-30 minutos, mais ou menos).

Fonte: Pitadinha.

7

Muffins de Abobrinha


Adoro fazer esses muffins para acompanhar saladas no almoço. São rápidos de fazer e ficam deliciosos! Para uma versão mais leve ainda, é só usar pouca farinha de trigo e eles viram uma espécie de tempura ao forno, mas tem que ter cuidado ao desenformar, pois ficam bem delicados.

Ingredientes:
2 abobrinhas raladas (geralmente uso 1 abobrinha grande)
1 ovo
1/2 xícara (chá) de leite
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
Sal a gosto
1 colher (sopa) de queijo parmesão ralado
1 colher (chá) de orégano
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 xícara (chá) de farinha de trigo, no mínimo*

Em uma tigela, misture o ovo, o leite, o azeite, o sal, o parmesão e o orégano. Bata com o fouet apenas para ficar homogêneo. Junte a abobrinha e a farinha de trigo e mexa com uma espátula para misturar bem. Acrescente o fermento, misture tudo e distribua a massa numa fôrma de muffins para 12 unidades untada com azeite ou manteiga (pode polvilhar com trigo, pra soltar mais fácil da fôrma). Leve para assar em forno médio preaquecido (180°) até ficarem dourados, entre 20 e 30 minutos. Deixe que esfriem um pouco na fôrma antes de desenformar.

*A quantidade de farinha de trigo vai depender da quantidade de abobrinha e se elas soltam muito líquido. Para a textura de muffin, vá acrescentando aos poucos até que a massa pareça mais um creme que um líquido.

Fonte: Revista Saúde! – Especial 62 Receitas Saudáveis.

12

Paella Vegetariana [Vegana]


A limitação sempre se provou ser uma grande fonte de criatividade e é uma das coisas que me leva às receitas vegetarianas: o desafio de preparar algo com sabor sem apelar para o óbvio. Claro que, sendo uma vegetariana não-praticante, a tentação pela liberdade é maior, mas esse exercício tem sido bom pra mim. E se os amigos topam experimentar, melhor ainda!
Nessa paella caberiam vários outros ingredientes e algumas coisas que usei em conserva gostaria de ter usado na forma fresca, mas infelizmente tive que me virar com o que tinha perto de casa. Adoraria ter usado grão-de-bico e vagem, por exemplo, então é uma receita em que você vai colocando o que couber no gosto e na panela.

Ingredientes (6-8 porções):
500 g de arroz
Azeite para refogar
2 cebolas em rodelas finas
4 dentes de alho picados
1 pimentão vermelho em rodelas finas
1 pimentão verde em rodelas finas
1 pimentão amarelo em rodelas finas
1 cenoura em rodelas finas
100 g de tomate seco picado
500 g de ervilha congelada
200 g de milho verde
200 g de aspargos
150 g de cogumelos
200 g de azeitonas
200 g de castanha-de-caju
1/2 colher (sopa) de açafrão da terra (cúrcuma)
1 litro de caldo de legumes quente
Sal a gosto

Use uma panela grande, de preferência própria para paella (usei uma panela alta e grande, misto de paella e wok, de 36 cm por 11 cm de altura). Refogue a cebola no azeite. Junte o alho e refogue. Acrescente os pimentões, a cenoura e o tomate seco, sempre refogando a cada adição, formando a base da receita. O açafrão pode ser acrescentado nessa hora também (ou misturado ao caldo de legumes, especialmente se você quiser usar o açafrão em pistilo). Junte o arroz e misture bem para que ele tome o sabor de tudo. Acrescente a ervilha, o milho e qualquer outro ingrediente que você queira cozinhar junto com o arroz. Adicione o caldo, tempere com sal, misture bem e tampe. Na metade do cozimento do arroz, junte boa parte das castanhas-de-caju e azeitonas, misture levemente e tampe novamente. Próximo ao arroz ficar cozido, distribua por cima os aspargos e o cogumelo, bem como o que restou da castanha e das azeitonas. Termine com rodelas de pimentão e cebola. Sirva na própria panela.

12

Quiche de Cebola Caramelizada, Maçã e Provolone


No domingo participei de um piquenique muito divertido e levei essa quiche. Desde que fiz a pizza com maçã fiquei viciada em acrescentá-la junto a certos ingredientes mais salgados, no caso aqui, o provolone. Acho que combinou muito e a cebola caramelizada arrematou bem os sabores. Confesso que não caramelizei muito a cebola pois acho o processo um pouco demorado e eu tinha pouco tempo, mas deixei-a bem dourada e funcionou para a receita. Ficou tão bom que já não tinha mais nada quando os irrigadores do parque resolveram nos dar um banho surpresa!

Ingredientes:
Massa:
250 g de farinha de trigo
125 g de manteiga
1 ovo
2 colheres (sopa) de água
Sal a gosto (costumo usar 1/2 colher de chá)

Recheio:
2 cebolas grandes fatiadas o mais fino possível (o ideal é que seja num mandoline)
1 colher (sopa) cheia de manteiga
1 fio de azeite de oliva
Sal a gosto
2 maçãs sem casca* e sementes, cortadas em cubos
1/2 colher (sopa) de açúcar
1/4 de xícara de água
50 g de provolone em cubos (ou a gosto)

Creme:
200 ml de creme de leite
2 ovos
50 g de parmesão ralado
sal e pimenta a gosto
noz moscada a gosto
manjerona a gosto

*Pode ser com casca, tirei porque haveria criança e também porque gosto do efeito que a maçã gera, fica parecendo um queijo doce.

Para a massa é só juntar todos os ingredientes numa vasilha e ir misturando com as mãos, até ficar homogênea. Ela fica bem lisa. Leve à geladeira por 1 hora (geralmente deixo só meia hora). Enquanto isso, refogue a cebola na manteiga e no azeite até ela murchar e dourar. Caso queira bem caramelizada (eu deixei apenas dourar), espere até que fique ligeiramente escura. Tempere com um pouco de sal, caso queira, mas lembre que ainda haverá sal nas outras etapas e o queijo já é salgado. Reserve. Numa panelinha, leve as maçãs para ferver juntamente com o açúcar e a água, até que fiquem levemente translúcidas. Reserve também.
Para o creme, bata os ovos ligeiramente e depois acrescente o creme de leite e o parmesão, sempre batendo pra incorporar. Tempere com sal, pimenta, noz moscada e manjerona.
Passada a hora da massa, distribua-a numa forma de quiche baixa de 24 cm, com ajuda dos dedos, do centro para as laterais (caso queira abri-la com um rolo, envolva-a em plástico). Ela é bem fácil de trabalhar. Faça furinhos na massa com ajuda de um garfo e distribua a cebola sobre ela. Acrescente os cubos de maçã e de provolone, distribuindo bem, e por cima o creme com ovos e parmesão. Leve ao fogo médio preaquecido (180°) por 30-40 minutos ou até dourar bem.