10

Frango ao Molho de Maple Syrup

É muito raro eu preparar algum tipo de carne ultimamente, mas ao ver a Donna Hay preparando esse frango eu tive que experimentar como ficaria. O sabor é muito diferente e fica incrivelmente bom, ainda mais porque a receita não usa gordura, nenhum tempero tradicional e o preparo é rápido e prático.

Ingredientes:
2 filés de peito de frango
1/4 de xícara de maple syrup
1/2 xícara de água
1 colher (chá) de pimenta seca (usei malagueta)
Sal a gosto

Aqueça uma frigideira e despeje o maple e a água, até que ferva. Junte a pimenta e o sal e misture. Adicione os filés e cozinhe-os por alguns minutos de um lado e depois do outro, até que, ao apertá-los, eles estejam firmes. O molho deve apurar um pouco, use-o por cima do frango ao servi-lo. Acompanhei com tiras bem finas de cenoura e batata assadas.

Fonte: Fast, Fresh, Simple – Donna Hay, Episódio 11.

Anúncios
17

Torta de Frango e Champignon Deliciosa

Faz muitos anos que essa torta é um sucesso nos blogs e na minha casa, mas nunca tenho oportunidade de fotografá-la. Dessa vez tirei uma foto rápida, pois não poderia deixar de postá-la aqui, já que tanta gente me pede a receita. A massa é uma espécie de pão fofinho e macio, incrivelmente fácil de fazer. O recheio pode ser outro, é claro, mas eu sempre acabo fazendo com frango, pois essa é daquelas receitas do tipo “quero-agradar-o-maior-número-de-pessoas-possível”, ideal também para piqueniques. E a sua qualidade de deliciosa é tanta que já vem no título, para não deixar dúvidas.

Ingredientes:
Massa:
3 ovos grandes
3 xícaras (chá) de leite morno
10 g de fermento biológico seco instantâneo* (1 envelope)
1 colher (sopa) de sal
2 colheres (sopa) de açúcar
3 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
1 xícara (chá) de óleo vegetal (usei de girassol)
5 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
Parmesão ralado a gosto para cobrir (opcional, mas recomendo)

Recheio:
2 peitos de frango cozidos temperados e desfiados (sem caldo)
400 g de champignon**
1 xícara de milho verde cozido
1/2 xícara de azeitonas verdes picadas
1 lata de molho de tomate (ou 1 xícara e meia de molho caseiro)
1 copo de requeijão cremoso
Temperos e ervas a gosto

*O tempo de descanso da massa é curto, portanto use apenas o instantâneo para essa receita.
**Usei do congelado, refoguei com um pouco de manteiga só para perder o gelo e deixei escorrer bem.

Primeiro faça o recheio: misture todos os ingredientes e reserve. Prove para ver se o tempero está do seu gosto. Preaqueça o forno em 180° e unte e enfarinhe uma assadeira grande (geralmente uso uma assadeira retangular de 38x28cm).

Para a massa, bata todos os ingredientes no liquidificador, menos a farinha de trigo. Despeje a mistura numa tigela grande e vá acrescentando a farinha de trigo aos poucos, misturando bem com um fouet ou uma colher de pau, até que toda a farinha esteja bem incorporada. Observação: eu acho mais prático misturar tudo já na tigela grande e misturar bem com um fouet, batendo, e depois acrescentar a farinha de trigo, assim não você não precisa sujar o liquidificador. É uma massa um pouco pesada de misturar e de textura bem mole. Espalhe 2/3 da massa na assadeira preparada. Distribua o recheio por sobre a massa e cubra tudo com a massa que sobrou (você pode ir pingando a massa e depois espalhar levemente sobre o recheio). Deixe fermentando de 15 a 30 minutos. Cubra com parmesão ralado e leve para assar até ficar dourada (eu nunca reparo no tempo dessa torta, mas acho que varia de 20 a 40 minutos para assar). Corte em pedaços retangulares e sirva morna ou fria.

Fonte: Pecado da Gula e Iliane Brasileiro, que disseminou a receita na internet.

12

Frango Assado com Vinagre Balsâmico


Esse frango com vinagre balsâmico e mostarda fica incrível e é muito simples de fazer, só precisa, como todo frango que se preze, de um pouco de antecedência. Você prepara a marinada no noite anterior e no dia seguinte só precisa levar para assar. Ele fica com uma cor e um molho bem marrom escuro. Na minha foto ele ficou com uma cor dourada porque esses pedaços passaram pelo forno novamente, mas na foto da Karen dá pra ver melhor como ele fica.

Ingredientes:
1/4 de xícara de vinagre balsâmico
2 colheres (sopa) de mostarda Dijon
2 colheres (sopa) de suco de limão fresco
2 dentes de alho picados
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
Sal e pimenta a gosto
2 kg de frango em pedaços (usei 1 kg de peito e 1 kg de coxa e sobrecoxa)

1/2 xícara de caldo de galinha (não usei)
1 colher (chá) de raspas de limão (não usei)
1 colher (sopa) de salsinha picada (não usei)

Misture bem o vinagre, a mostarda, o suco de limão, o azeite, o sal e a pimenta e envolva bem os pedaços de frango nessa mistura e leve para marinar num saco plástico apropriado para marinados ou num recipiente fechado. Deixe na geladeira por no mínimo 2 horas e no máximo 24 horas.
Preaqueça o forno em 200°. Retire o frango do recipiente e distribua os pedaços numa assadeira grande untada com azeite (jogue por cima o líquido da marinada). Cubra com papel alumínio e leve para assar por 15 minutos. Retire o papel alumínio e deixe assar por mais 45 minutos, ou até que esteja no ponto desejado.
Transfira o frango para uma travessa de servir. Deixe a assadeira que você usou sobre um fogo baixo e adicione o caldo para soltar o que ficou no fundo, formando um molho. Jogue esse molho sobre o frango (não fiz essa parte, mas o que sobrou na assadeira estava solto e usei como molho). Jogue as raspas de limão e a salsinha por cima antes de servir.

Fonte: Kafka na Praia e Giada De Laurentiis.

22

Frango à Jardineira com Leite de Coco


Essa receita estava na embalagem de uma garrafinha de leite de coco que comprei e fiquei curiosa com o resultado. Hoje minha mãe, uma tia e meus irmãos vieram almoçar com a gente e resolvi arriscar, apesar da receita ser muito resumida (no site ela é um pouco mais detalhada). Modifiquei um pouco do original quando chegou no creme, não confiei que o queijo fosse derreter apenas com o leite quente, preferi gratinar antes de servir, mesmo tendo creme de leite. Todos amaram, vou fazer outras vezes, com certeza. É uma receita calórica, daquelas que você fica preocupado apenas em ser feliz, mas usando menos queijo, adaptando alguma coisa aqui e ali, dá para amenizar. E mais: há a opção de fazer apenas a parte do frango, fica bem colorida e saborosa do mesmo jeito.

Ingredientes:
Frango:
1 kg de frango cortado em cubos
Tomate, cebola, coentro e pimentão a gosto
3 colheres (sopa) de óleo
1 colher (sopa) de extrato de tomate
1 xícara (chá) de leite
200 ml de leite de coco
1 cenoura grande picada e cozida
1 chuchu grande picado e cozido
1 xícara (chá) de vagem picada e cozida
1 lata de milho verde
2 colheres (sopa) de amido de milho

Creme:
200 ml de leite de coco
2 latas de creme de leite com soro
Sal a gosto
1 xícara (chá) de leite
3 colheres (sopa) de farinha de trigo
3 colheres (sopa) de cebola ralada
3 colheres (sopa) de manteiga ou margarina
400 g de queijo mozarela (usei menos)

Tempere o frango a gosto (usei apenas sal, pimenta e alho), depois frite-o no óleo quente. Junte tomate, cebola, coentro e pimentão a gosto e o extrato de tomate. Misture bem e adicione o leite de coco, deixando cozinhar por cerca de 20 minutos. Junte o amido de milho diluído no leite e deixe no fogo até engrossar, mexendo sempre. Retire do fogo e adicione a cenoura, o chuchu, a vagem e o milho. Reserve.
Para o creme, aqueça a manteiga com a cebola e junte a farinha de trigo, mexendo bem. Vá adicionando o leite e o leite de coco e deixe ferver e engrossar esse molho branco. Desligue o fogo e acrescente o creme de leite.
Unte um refratário grande, espalhe metade do creme e distribua o frango com os legumes. Cubra tudo com o restante do creme e espalhe o queijo por cima. Leve ao forno alto por alguns minutos só para derreter o queijo.

Fonte: Receitas Sococo.

Veja essa receita preparada no 7º Inter-Blogs do DCPV.

29

Frango com 40 Dentes de Alho


Queria preparar um frango bem diferente e lembrei logo de pesquisar no blog da Agdá, já que ela tem postado algumas receitas bem interessantes com essa carne. O escolhido foi esse, lembro que fiquei com água na boca quando vi a foto e realmente fica divino. É tão simples e vale muito a pena, me arrependi de ter feito meia receita – acabei usando apenas 20 dentes – quem comeu ficou querendo mais. O alho é realmente a sensação do prato: ele vira uma pastinha saborosa até pra quem não gosta muito dele. Vai virar um clássico aqui em casa.

Ingredientes:
1 kg de frango limpo em pedaços ou partes de sua preferência (usei filezinhos de peito)
2 colheres (sopa) de manteiga (também usei azeite de oliva)
1/2 colher (chá) sal grosso (usei bem mais, a olho)
1/4 colher (chá) de pimenta-do-reino (usei a olho)
40 dentes de alho, descascados
1 e 1/4 de xícara (chá) de caldo de legumes
1 xícara (chá) de vinho branco (também substituí por caldo de legumes)

Enxugue os pedaços de frango com uma toalha de papel. Tempere com a pimenta-do-reino e sal grosso. Cubra com filme transparente e guarde na geladeira até a hora de preparar. Aqueça o azeite de oliva em uma frigideira, coloque o alho e deixe que doure em fogo baixo. Vire de vez em quando para dourar por igual. Remova o alho da panela, aumente o fogo e coloque os pedaços de frango. Não é necessário mexer muito, só de vez em quando, para não grudar. Deixe dourar bem de um lado e depois de outro, fogo médio ou mais forte, para que não junte caldo nessa fase. Quando estiver bem douradinho, distribua o alho por cima do frango, acrescente o caldo de verduras (e/ou vinho branco) e tampe. Cozinhe em fogo baixo até amaciar bem, de 30 a 40 min. Se necessário, remova o frango e reduza o caldo ou deixe assim com molho. Sirva com pão francês ou outro acompanhamento de sua preferência.

Fonte: Agdá.

14

Torta de Frango com Massa de Iogurte


Essa torta da Lica já é um sucesso, e hoje eu comprovei e aprovei. Fiz para levar para a casa da minha querida tia Anaudira, onde encontramos alguns amigos e todos gostaram, não sobrou migalha. A massa é muito boa, vou ficar viciada nela, mas na próxima vou acrescentar mais um pouquinho de sal. O recheio original é com palmito, do qual não sou muito fã, mas eu substituí por frango e champignon e ficou delicioso. A foto não ficou boa, mas garanto que a receita é ótima, é só comprovar com a foto da Eliana.

Ingredientes:
Massa:
2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
150 g de manteiga ou margarina
180 g de iogurte natural
1 colher (chá) de sal
1 gema para pincelar

Recheio
3 colheres (sopa) de azeite
1 cebola picada
1 tomate inteiro picado
200 g de frango cozido desfiado
180 g de cogumelos picados
1/2 xícara (chá) de azeitonas picadas
1 lata de ervilha (usei 1 xícara de ervilha congelada)
1/2 xícara (chá) de salsa e cebolinha picadinha
220 g de requeijão cremoso
1 colher (sopa) de farinha de trigo
Sal e pimenta a gosto

Comece preparando o recheio, que deve ser utilizado frio. Aqueça numa panela o azeite e refogue a cebola só até ficar transparente (não é para dourar), junte o tomate e deixe criar um caldinho no refogado. Adicione o frango, a ervilha, o cogumelo, as azeitonas, o sal e a pimenta e deixe cozinhar por alguns minutos. Acrescente o requeijão cremoso, a salsa, a cebolinha e a farinha de trigo e mexa. Deixe cozinhar por mais alguns minutinhos: fica com textura de creme. Transfira para outra vasilha e deixe esfriar completamente.
Para a massa, Coloque 2 xícaras da farinha de trigo num recipiente e junte a manteiga ou margarina, sal e o iogurte. Misture com as mãos (nesse momento, se for necessário, utilize a 1/2 xícara de farinha que sobrou – eu usei só um pouco). A massa não gruda nas mãos mas é úmida. Deixe descansar por 20 minutos tampada com um pano ou filme plástico. A seguir polvilhe com farinha de trigo um saco plástico aberto, coloque metade da massa, polvilhe um pouco e cubra com outro saco plástico aberto. Com o auxílio de um rolo, abra a massa. O ideal é que não fique grossa. Cubra o fundo e as laterais de uma assadeira de 22 cm de aro removível (pode ser feita num refratário ou assadeira comum) e coloque o recheio frio. Abra o restante da massa seguindo o mesmo processo e cubra a torta com uma roda de massa ou fazendo uma grade. Pincele com a gema e leve ao forno a 180°, por cerca de 20-30 minutos, até dourar.

Fonte: Feijão no Prato.

16

Farofa de Cenoura


Desde que a Patricia postou essa receita não paro de desejar essa farofinha de cenoura. Segui direitinho o preparo, mas tive que quebrar a lógica vegetariana da receita e acrescentar uma sobra de frango que eu tinha – afinal existe todo um conceito relacionado à farofa de que ela tem como maior função reaproveitar sobras de carne ou disfarçar a pouca quantidade dela.
Outra alteração que fiz foi acrescentar manteiga: a combinação de azeite e manteiga funciona muito pra mim.
Eu quis almoçar só ela mesmo, como prato único, comi esta cumbuquinha aí da foto e dei só um pouquinho pro Ric.

Só uma curiosidade: por causa do nome do blog, todo mundo me pergunta se macaxeira é mandioca e eu sempre digo que sim, apesar de aqui no Ceará não serem bem a mesma coisa: a mandioca que faz a farinha (e que é proibida para o consumo por causa do veneno) é a mandioca-brava, que conhecemos aqui simplesmente por mandioca; já a mandioca que usamos nas receitas é a mandioca-doce ou mansa, ou seja, a macaxeira. Talvez o nome tenha aparecido com a preocupação em diferenciá-las, já que uma delas é perigosa.

Ingredientes:
1 colher (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de manteiga com sal
1/2 cebola picada
1 pedaço de frango desfiado (opcional)
1 cenoura grande ralada (no ralo grosso)
1 colher (sopa) de salsinha picada
40 g de azeitonas verdes, descaroçadas e picadas
70 g de farinha de mandioca (coloque aos poucos até o ponto desejado)
Sal e pimenta a gosto

Aqueça o azeite e a manteiga e refogue a cebola. Junte a cenoura e o frango e refogue por 1 minuto. Junte as azeitonas e a salsinha, tempere com sal e pimenta e depois adicione a farinha. Misture bem.

Fonte:Technicolor Kitchen.