6

Granola Caseira com Melaço de Romã

A granola, de uma maneira geral, é uma mistura de cereais que tem como base a aveia em flocos e é assada com óleo e mel, o que garante sua característica crocante e dourada. Baseando-se nisso, se você costuma comprá-la, eu sugiro com todo carinho que você prepare a sua em casa, pois é prático, simples de fazer, você adiciona os ingredientes de sua preferência e pode variá-los quantas vezes quiser.
Eu costumo começar com meio pacote de aveia em flocos e uma maçã ralada e vou adicionando sementes e outros cereais. As quantidades dos demais ingredientes variam muito, você pode retirar o açúcar e colocar mais mel, o cacau e as frutas secas são opcionais, as castanhas poderiam ser amêndoas, nozes, tudo ao gosto de cada um. O melaço de romã também é opcional, mas eu tenho usado muito pois confere um aroma especial e é levemente cítrico. Você pode encontrá-lo nas seções do supermercado de comida árabe como “molho de romã”.
Sou suspeita pra falar de granola pois acho uma ótima maneira de comer cereais e adoro acompanhá-la com iogurte natural. E quando ela começa a envelhecer, eu preparo Muffins de Granola. Acredite: quando o cheiro de canela e romã invadir sua cozinha você nunca mais pensará em comprar granola novamente.

Ingredientes:
250 g de aveia em flocos grossos
100 g de gérmen de trigo (ou uma mistura de gérmen com farelo)
100 g de açúcar mascavo
25 g de cacau em pó
60 g de sementes de girassol
50-100 g de quinoa em flocos
50-100 g de sementes de gergelim
50-100 g de sementes de linhaça
150 g de castanha-de-caju natural (não torrada)
2 colheres (chá) de canela em pó
2 colheres (sopa) de melaço de romã (vendido como molho de romã)
2 colheres (sopa) de mel
2 colheres (sopa) de óleo de coco (pode ser de milho, de girassol, de canola)
1 maçã ralada no ralo fino (use inclusive o suco que se forma)
50-100 g de uvas passas (ou outra fruta seca – adicione apenas depois de pronta)

Aqueça o forno em 160° (forno baixo pra médio). Numa assadeira grande, vá juntando todos os ingredientes, com exceção das uvas passas. Misture tudo muito bem, de preferência com as mãos, para que os ingredientes secos absorvam bem os ingredientes líquidos e a granola fique uniforme. Leve para assar por 15 minutos, retire a assadeira (mas não apague o forno) e mexa tudo, para que asse por igual. Volte pro forno e deixe mais 10 minutos. Misture novamente e por fim, mais 10 minutos (total de 35 minutos), se necessário, com cuidado pra não deixar queimar. Deixe esfriar na assadeira e quando tiver morno, misture bem pra soltar. Guarde em potes fechados. Dura de 15 a 30 dias.

Anúncios
7

Muffins de Granola


Lá venho eu com mais uma do Feast. Mas é que o livro tem tanta coisa boa e o programa Feasts acaba me levando a procurar as receitas com mais detalhes. Estes muffins são um ótimo destino àquela granola que já perdeu o seu frescor. E como estou num momento Nigella podem esperar mais receitas (e mais vídeos) dela no futuro.

Ingredientes:
225 g de farinha de trigo
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1/4 de colher (chá) de sal
250 ml de iogurte (originalmente buttermilk)
1 ovo
175 g de açúcar mascavo
80 ml de óleo vegetal
250 g de granola

Preaqueça o forno em 200°. Prepare uma forma de muffins com 12 forminhas. Misture a farinha, o bicarbonato e o sal numa tigela. Em outra tigela misture com um fouet o iogurte, o ovo, o açúcar e o óleo, até que fique homogêneo. Despeje essa mistura sobre a mistura de farinha, juntando tudo ligeiramente, com uma espátula, deixando a massa encaroçada. Acrescente a granola e misture apenas para incorporar, sem bater demais a massa. Distribua nas forminhas e leve para assar por cerca de 25 minutos: eles devem estar bem bronzeados.

Fonte: Feast: Food that celebrates life – Nigella Lawson.

0

Granola de Cacau e Castanha

Ao ver a Nigella fazendo esta granola em um de seus programas, fiquei com muita vontade de prepará-la, apesar de haver um tempo que não consumo esse tipo de cereal. Geralmente as granolas industrializadas não têm muito sabor, muito menos cor e textura agradáveis. Esta renovou meu interesse e dá para comê-la pura, embora eu prefira com iogurte natural. A única modificação que farei na próxima vez é testar com um pouco de ovomaltine, pra dar um sabor de malte que ficou faltando, já que a Nigella usa uma espécie de mel maltado. Pra quem gosta de doce mais doce, sugiro um pouco mais de açúcar, mas fora isso ficou perfeita.

Ingredientes:
450 g de aveia em flocos
120 g de sementes de girassol
120 g de sementes de gergelim branco
2 maçãs raladas ou processadas no ponto de purê
2 colheres (chá) de canela em pó
1 colher (chá) de gengibre em pó (nem sempre uso)
120 g de glucose de milho (mel Karo) (nem sempre uso, acrescento mais mel)
4 colheres (sopa) de mel
100 g de açúcar mascavo
300 g de castanhas-de-caju (originalmente amendoim)
1 colher (chá) de sal (não usei pois as sementes de girassol eram salgadas)
2 colheres (sopa) de óleo de girassol
25 g de cacau em pó*

*Para uma versão sem cacau, mais tradicional, substituir a castanha por 250 g de amêndoas, retirar o cacau e acrescentar 300 g de passas, estas apenas depois de tirar do forno.

Numa tigela grande, misture com as mãos a aveia, as sementes de girassol e gergelim e o cacau: as sementes irão ajudar a tirar os grumos do cacau. Depois junte o restante dos ingredientes, e misture bem. Despeje tudo sobre 2 assadeiras grandes e leve ao forno baixo-médio, 170°, por cerca de 20 minutos. Retire do forno e mexa, para que não queime e asse mais por igual. Volte ao forno por mais 20 minutos, com cuidado, olhando sempre, até que fique dourada. Deixe esfriar por completo e guarde em recipientes bem fechados por até uma semana.

Fonte: Feast: Food that celebrates Life – Nigella Lawson.