12

Quiche de Cebola Caramelizada, Maçã e Provolone


No domingo participei de um piquenique muito divertido e levei essa quiche. Desde que fiz a pizza com maçã fiquei viciada em acrescentá-la junto a certos ingredientes mais salgados, no caso aqui, o provolone. Acho que combinou muito e a cebola caramelizada arrematou bem os sabores. Confesso que não caramelizei muito a cebola pois acho o processo um pouco demorado e eu tinha pouco tempo, mas deixei-a bem dourada e funcionou para a receita. Ficou tão bom que já não tinha mais nada quando os irrigadores do parque resolveram nos dar um banho surpresa!

Ingredientes:
Massa:
250 g de farinha de trigo
125 g de manteiga
1 ovo
2 colheres (sopa) de água
Sal a gosto (costumo usar 1/2 colher de chá)

Recheio:
2 cebolas grandes fatiadas o mais fino possível (o ideal é que seja num mandoline)
1 colher (sopa) cheia de manteiga
1 fio de azeite de oliva
Sal a gosto
2 maçãs sem casca* e sementes, cortadas em cubos
1/2 colher (sopa) de açúcar
1/4 de xícara de água
50 g de provolone em cubos (ou a gosto)

Creme:
200 ml de creme de leite
2 ovos
50 g de parmesão ralado
sal e pimenta a gosto
noz moscada a gosto
manjerona a gosto

*Pode ser com casca, tirei porque haveria criança e também porque gosto do efeito que a maçã gera, fica parecendo um queijo doce.

Para a massa é só juntar todos os ingredientes numa vasilha e ir misturando com as mãos, até ficar homogênea. Ela fica bem lisa. Leve à geladeira por 1 hora (geralmente deixo só meia hora). Enquanto isso, refogue a cebola na manteiga e no azeite até ela murchar e dourar. Caso queira bem caramelizada (eu deixei apenas dourar), espere até que fique ligeiramente escura. Tempere com um pouco de sal, caso queira, mas lembre que ainda haverá sal nas outras etapas e o queijo já é salgado. Reserve. Numa panelinha, leve as maçãs para ferver juntamente com o açúcar e a água, até que fiquem levemente translúcidas. Reserve também.
Para o creme, bata os ovos ligeiramente e depois acrescente o creme de leite e o parmesão, sempre batendo pra incorporar. Tempere com sal, pimenta, noz moscada e manjerona.
Passada a hora da massa, distribua-a numa forma de quiche baixa de 24 cm, com ajuda dos dedos, do centro para as laterais (caso queira abri-la com um rolo, envolva-a em plástico). Ela é bem fácil de trabalhar. Faça furinhos na massa com ajuda de um garfo e distribua a cebola sobre ela. Acrescente os cubos de maçã e de provolone, distribuindo bem, e por cima o creme com ovos e parmesão. Leve ao fogo médio preaquecido (180°) por 30-40 minutos ou até dourar bem.

Anúncios
14

Quiche de Gorgonzola com Massa de Nozes

Não vai ser ainda a última da semana em que vou usar o tal livrinho (ele está cheio de marcadores). Essa quiche é muito saborosa, bonita e especial. Sou suspeita porque amo alho-poró, mas acredito que agradaria a muitos. A massa com nozes é convidativa e combina muito bem com o recheio. A minha substituição pelo Gorgonzola foi tão somente pelo preço do Roquefort, 5 vezes mais caro que aquele, talvez porque tenha sido feito com o leite das ovelhas do rebanho de Apolo.

Ingredientes:
Massa:
175 g (1 e 1/2 xícara) de farinha de trigo
1/2 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de açúcar mascavo
50 g (1/4 de xícara) de manteiga
75 g (3/4 de xícara) de nozes moídas
1 colher (sopa) de sumo de limão
2 colheres (sopa) de água gelada

Recheio:
25 g (2 colheres de sopa) de manteiga
450 g de alho-poró em fatias finas (mais ou menos 3 alhos-poró)
175 g de queijo Roquefort em fatias (usei Gorgonzola)
2 ovos grandes
250 ml (1 xícara) de creme de leite fresco
2 colheres (chá) de estragão fresco picado (não usei)
Sal e pimenta-do-reino a gosto

Para a massa, peneire a farinha com o sal numa vasilha. Acrescente um pouco de pimenta-do-reino e o açúcar. Junte a manteiga e mexa com os dedos até formar uma farofa fina. Acrescente as nozes e misture bem. Adicione o sumo de limão e a água gelada e sove um pouco para formar uma massa – junte tudo até formar uma bola. Enrole-a com filme plástico e leve à geladeira por 30 minutos.
Preaqueça o forno em 190°. Passada a espera abra a massa numa forma de quiche (21 a 23 cm). Proteja as bordas da massa com papel alumínio (não fiz porque minha forma era de silicone) e faça vários furinhos nela com um garfo. Leve para assar por 15 minutos, retire o alumínio e asse por mais 10 minutos. Reduza a temperatura para 180°.
Para o recheio, derreta a manteiga numa panela e refogue o alho-poró por 10 minutos com a panela tampada. Ponha sal a gosto e deixe por mais uns 10 minutos, até que fique macio. Distribua o alho-poró sobre a massa e por cima coloque as fatias de Roquefort. Bata o creme de leite com os ovos e tempere com sal e pimenta-do-reino. Acrescente o estragão e jogue a mistura por cima do recheio.
Agora a torta deve assar por cerca de 30-40 minutos até que o recheio cresça um pouco e esteja firme e dourado. Deixe esfriar por alguns minutos antes de servir.

Fonte: Afternoon Tea – Molly Perham.

25

Quiche de Macaxeira


Essa receita é um clássico na família: sempre fazia quando havia festas de natal na casa da minha mãe, e como esse ano fui para a minha madrinha, resolvi levar pra lá e acho que gostaram. Além do jogo de palavras que dá nome ao blog, a receita existe.
Que pena que meu “fotógrafo” não tirou foto dos quitutes de tia Fátima e prima Isabel, que arrasaram com um rocambole de carne, um bacalhau e uma torta de chocolate com uvas que deixou todo mundo triste de alegria. Foi um ótimo natal!

Ingredientes:
1 kg de macaxeira
sal a gosto
3 colheres (sopa) de manteiga
1 xícara de creme de leite fresco
1/2 colher (chá) de noz moscada
100 g de bacon magro em cubos
1 cebola grande picada
3 gemas
3 claras

Cozinhe a macaxeira na água com sal e passe no espremedor de batatas, moedor ou processador, ainda quente. Misture a manteiga, mexendo bem com uma colher de pau (eu misturei ainda no processador). Junte o creme de leite e a noz moscada. Reserve.
Frite o bacon até que doure, junte a cebola e frite mais um pouco. Junte à massa de macaxeira. Adicione as gemas e por último as claras em neve, mexendo cuidadosamente.
Unte com manteiga uma travessa retangular refratária e despeje a massa. Asse em forno moderado (170°) por aproximadamente 1 hora. Decore com bacon frito, tomate, pimentão (decorei esse com pimentão vermelho). Serve como entrada ou como acompanhamento de assados.

Fonte: Recorte do caderno de receitas.

12

Quiche de Cebola e Aspargos


É difícil eu acertar massas de quiche, embora não sejam difíceis de fazer. Mas essa massa é tão fácil que até quem nunca fez uma torta na vida pode conseguir. Como achei anotada num papelzinho, não sei de onde tirei. Só sei que amei, adoro coisas práticas e sem erro.

Ingredientes:
Massa:
250 g de farinha de trigo
125 g de manteiga
1 ovo
2 colheres (sopa) de água
sal a gosto

Recheio:
100 g de aspargos em conserva picados
2 cebolas grandes fatiadas
2 colheres (sopa) azeite de oliva
1 lata de creme de leite sem o soro
2 ovos
50 g de parmesão ralado
sal a gosto

Para a massa é só juntar todos os ingredientes numa vasilha e ir misturando com as mãos, até ficar homogênea. Ela fica bem lisa. Leve à geladeira por 1 hora. Enquanto isso refogue a cebola no azeite até ela murchar. Desligue o fogo e acrescente o aspargo. Ponha um pouco de sal. Reserve. Bata os ovos ligeiramente e depois acrescente o creme sem o soro (pra quem não sabe é só fazer um furinho no fundo da lata que, ao abrir em cima, o soro cai). Bata mais um pouco e acrescente o parmesão, sempre batendo pra incorporar.
Passada a hora da massa, abra-a na própria forma (eu usei uma de 20 cm, pode ser de 22 também) com os dedos, do centro para as laterais. Ela é bem fácil de trabalhar. Despeje a cebola com os aspargos e por cima o creme com ovos e parmesão. Leve ao fogo médio por 30 minutos ou até dourar.