0

Waffles salgados de cebolinha [sem glúten e sem lactose]

390
Eu sempre gostei de brincar com receitas alternativas, mas nos últimos tempos elas se tornaram o padrão na minha dieta depois de um problema de saúde que me apareceu. Mas não estou reclamando: tenho me virado bem e estes waffles deliciosos já fazem parte do meu dia a dia. Eles podem ser feitos de inúmeras maneiras, mas essa versão é a que, pra mim, fica perfeita tanto em textura como em sabor e eu recomendo fortemente que façam (quem não tem máquina de waffles pode tentar fazer em formato de panqueca na frigideira, pode ser que dê certo).
A cebolinha fica suave e por dentro fica com a textura de pão de queijo. Vocês podem variar no uso de farinhas também, mas não dispensem a fécula de mandioca pois ela faz diferença.

Ingredientes:
3 ovos
200 ml de leite de coco (ou outro leite vegetal)
100 ml de água
200 g de batata doce cozida (pode ser mandioquinha, abóbora…)
1 maço de cebolinha (talo e folhas)
1 colher (chá) de sal
200 g de fécula de batata
1/2 xícara de fécula de mandioca
1/4 a 1/2 xícara de farinha de arroz
1 colher (chá) de fermento

Bata no liqüidificador os ovos, o leite de coco, a água, a batata doce e a cebolinha. Transfira para uma tigela grande, acrescente o sal, as féculas e a farinha de arroz (dê o ponto com a farinha de arroz, vá colocando aos poucos e observe se precisa de mais). A textura deve ser como qualquer massa de panqueca e waffle, um pouquinho grossa, mas ainda com a aparência um pouco líquida. Asse os waffles conforme sua máquina. Na minha eles assam por 5 minutos. Rende cerca de 8 waffles em waffleira grande. Sirva com sua pasta preferida, fica ótimo com pasta de beringela.

Anúncios
8

Waffle Integral com Cobertura de Maçã Caramelizada

Ultimamente estou numa fase em que tudo que compro tenho que fazer valer. Afinal, livros são para ler, filmes são para assistir, roupas são para usar, maquiagem é para enfeitar o rosto, e não a penteadeira. Nada de produtos encostados: se comprou, tem que usar! Essa atitude me faz pensar melhor antes de consumir sem necessidade e até melhora os hábitos do cotidiano, pois estimula a organização.
Nesse espírito, eu procuro sempre usar os utensílios de cozinha que tendem a ficar guardados, como é o caso da máquina de waffle. Vou procurar testar mais receitas para utilizá-la, inclusive.
Para começar, uma receita antiga que tenho e nunca havia testado. Ela é indicada para quem tem máquina para waffles mais baixinhos, assim ficam mais crocantes. Mesmo assim, tentei com a minha, que é para waffles maiores, e ficaram bons. Esse waffle tem predominância salgada, mas combina bem com qualquer tipo de cobertura. Ficou ótimo com manteiga, como se fosse um pãozinho, e também ficou ótimo com essa cobertura de maçãs. Aliás, a cobertura roubou a cena e é uma ótima sugestão para panquecas também.

Waffles Salgados Integrais (com fermento biológico)
Ingredientes:
1/2 xícara de água morna
10 g (1 envelope) de fermento biológico seco
2 xícaras de leite morno
1/4 de xícara de óleo ou manteiga derretida (usei óleo de girassol)
1/2 colher (chá) de sal
1 colher (sopa) de mel
1 xícara de farinha de trigo integral fina*
1 e 1/2 xícara de farinha de trigo branca
2 ovos ligeiramente batidos

Numa vasilha grande, misture a água e o fermento. Deixe descansar por 10 minutos em lugar protegido. Junte o leite, a manteiga ou óleo, o sal e o mel. Acrescente a farinha de trigo e os ovos e misture bem (a mistura é mole – no entanto eu acrescentei um pouquinho mais de trigo porque minha máquina faz waffles grandes). Deixe crescer em lugar protegido de correntes de ar por uns 15 a 20 minutos (a textura fica mais grossa). Cozinhe num aparelho de waffles quente, untado com óleo. Sirva com a cobertura de sua preferência.

*Na receita original é usada apenas farinha de trigo integral (2 xícaras). Ajuste conforme seu gosto.

Cobertura de Maçã Caramelizada
Ingredientes:
3 maçãs cortadas em cubinhos (ou pêras ou outra fruta de sua preferência)
1/2 xícara de mel ou glucose de milho (Karo)
1 colher (chá) de manteiga
1 pitada de canela em pó

Misture todos os ingredientes numa panela pequena e aqueça, mexendo de vez em quando, até que a mistura reduza e caramelize levemente, formando uma calda dourada em volta das maçãs. Sirva morna sobre panquecas ou waffles. Você pode preparar com antecedência e manter na geladeira por alguns dias, aquecendo na hora de servir.

Fonte: Recorte antigo de revista sem referência.

60

Waffles, Waffles e Waffles


Minhas primeiras experiências com waffles não foram boas, mas há um tempinho atrás provei um waffle que achei delicioso (eu sempre tento dar chance pra coisas que não gosto) e, juntando a isso o apelo nos blogs, acabei querendo comprar uma máquina. A Cinara conhece minha saga em busca da máquina de waffle e me deu várias dicas, mas a maioria das marcas com qualidade só vendia em uma voltagem incompatível com a minha cidade. Acabei comprando uma de certa marca e detestei: a massa derramava pelas laterais e o waffle ficava tão fino que no lugar dos sulcos ficavam buracos. Pedi meu dinheiro de volta e comprei uma bem mais cara, mas que valeu a pena: os waffles ficam enormes e fofos, pois você pode virar a máquina, e a massa não derrama, pois tem uma área interna só pra isso.
O resultado de tudo isso é que agora estou viciada em waffles e deixo aqui 3 receitas que aprovei.

A primeira é a da foto acima e fica absolutamente deliciosa, não precisa de nenhuma cobertura (neste coloquei nutella), a melhor maneira de comê-lo é puro, bem quentinho: tem o estilo de pão, fica crocante por fora e fofinho por dentro. A massa pode ser feita à noite e guardada na geladeira pra ser assada pela manhã. A segunda é uma receita básica, estilo panqueca, bem prática e gostosa. A terceira é com limão e fica muito boa com qualquer tipo de mel.

Waffle Tipo Belga (feito com fermento biológico)
Ingredientes:
7 g de fermento biológico seco (granulado)
2 xícaras (chá) de leite morno
2 e 1/2 xícaras (chá) de farinha de trigo
1/4 colher (chá) de sal
1 colher (sopa) de açúcar baunilhado (ou comum)
4 ovos
1 colher (chá) de baunilha (se usar o açúcar comum)
1/2 xícara (chá) de manteiga derretida (usei um pouco menos de manteiga da terra)

Dissolva o fermento no leite. Deixe descansar por 10 minutos. Numa tigela bem grande, junte a farinha, o sal e o açúcar. Em separado, bata as gemas ligeiramente e junte-as à mistura de fermento. Agora despeje tudo sobre os ingredientes secos. Junte também a baunilha e a manteiga, misturando bem. Bata as claras em neve e incorpore-as à massa. Deixe descansar por 45 minutos ou até dobrar de tamanho num ambiente sem correntes de ar. Asse conforme a máquina.

Fonte: All Recipes.

Waffles Americanos (feito com fermento químico)
Ingredientes:
2 xícaras (chá) de farinha de trigo
2 colheres (sopa) de açúcar
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 colher (chá) de sal
1 e 3/4 de xícara (chá) de leite
1/3 de xícara (chá) de óleo vegetal
2 ovos
Junte a farinha, o açúcar, o fermento e o sal. Bata juntos o leite, o óleo e os ovos. Junte os líquidos com os secos só até misturar. Asse conforme a máquina.

Fonte: Receituário da máquina.

Waffles de Limão
Ingredientes:
4 ovos
1/4 de xícara (chá) de açúcar
1/2 colher (chá) de sal
1 xícara (chá) de leite
1 colher (sopa) de suco fresco de limão.
Raspas de 1 limão inteiro
1/4 de xícara (chá) de manteiga derretida
1 e 1/4 de xícara (chá) de farinha de trigo
1/2 colher (chá) de fermento em pó
Bata as gemas com o açúcar e o sal. Junte o leite, o suco de limão, as raspas e a manteiga, batendo bem. Adicione a farinha e o fermento. Bata as claras em neve e as incorpore à massa. Asse conforme a máquina.

Fonte: Mr. Breakfast.